Sábado, 27 de Fevereiro de 2010

 

Manhã de nevoeiro…
Estarão assim meus pensamentos?
Brisa um pouco fria…
Estarão assim meus sentimentos?
 
Terei o girassol da vida mesmo a minha frente?
                               Será?
                               Não o vejo… ou não o quero ver para já?
 
O silêncio que, por vezes, deveria ser servido como take-away
Quando tanto precisamos dele
Não chegou ainda e eu queria-o… sem ter que esperar…
 
Para poder pensar
Para a velocidade abrandar
A fugacidade a que se move o mundo poder acalmar
 
Quisesse eu estabelecer uma ligação
Quiçá algo lógica e tentar explicar o que me vai na mente.
Talvez não consiga…
Não sei…
 
Sei sim que há gestos, palavras e atitudes que marcam.
Dar a mão pode ser único.
Um elogio meio dado no ar
Mais directo ou mais subtil
Educado… inesperado!
Um pequeno gesto, um olhar…
 
Conhecemo-nos há muito ou há pouco tempo?
E o que é o tempo afinal?
Definição completa ou incompleta
Parcial, intemporal
Como quisermos!
Se quiseremos!
 
                               Qual o significado terapêutico
                               Dos momentos partilhados?
                               Dos risos e sorrisos trocados?
                               Imenso… embarassing
                               Terno… interesting
 
Confusão… oh!
Ilusão… desilusão
Natureza bonita e pura
Céu azul… lua intensa… escura
 
E o sol tenta raiar... Será que não me quero apaixonar...? 
 


publicado por thoughtsandpoems às 17:12
mais sobre mim
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26

28


arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO